14 de ago de 2015

TEMPOS INVERSOS


"Tempos Inversos" é meu sétimo livro de poemas; resultado de um ano de escrita, aprimoramento e vivência das mais diversas sensações. O sucessor de "Ex-voto" traz ainda certo convívio com o cenário árido encontrado após o término de um grande sonho. Mas o que os poemas do livro tentam transmitir não é a dor de uma perda ou o brilho esfuziante de novas paixões, mas a claridade sutil que a esperança emana através de todas as coisas. Em uma alegoria, pode-se ver o eu-lírico destas páginas como um viajante que antes repousava em verdes prados, e hoje procura por relíquias em terra desertificada. O tempo já não carece de fazer sentido. Ele não segue a ordem lógica de correr para frente, deixando o passado para trás... O tempo são as areias abaixo dos pés, por onde o viajor caminha, muitas vezes, sem rumo. Ele não é amigo nem inimigo, apenas uma companhia que não segue ritmo coerente, como os próprios passos cansados sobre a terra inexplorada.

Disponível em: http://migre.me/rashy

2 comentários:

  1. Que demais!
    Parabéns pela nova obra!
    Vou acompanhar e depois que ler, te digo o quanto me encantou!
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, Allan!
      Espero que você goste.
      Fico feliz com seu comentário!
      Abraços. :)

      Excluir